Figos
Rubrica - Alimentos do Bem | Sobre os Alimentos

Alimentos do Bem # Figos

1 Setembro, 2017
RSS
Facebook
Facebook
Instagram
Bloglovin
E-mail
Blogs Portugal

Parece-vos bem começar o mês de Setembro a falar de Figos??!!

“Alimentos do Bem”, é uma nova rubrica que vos apresento no Blog 🙂

Consciência alimentar

Como já comentei convosco anteriormente, para mim é mesmo muito importante ter consciência do que como.

Dos benefícios e características dos alimentos que ingiro no meu dia-a-dia.

Estarmos perfeitamente conscientes do alimentos que fazem parte do nosso dia-a-dia, ajuda-nos a perceber se nos estamos a alimentar saudavelmente ou não.

Ajuda-nos também a compreender que alimentos fazem mais sentido para o nosso corpo e se devemos ou não consumi-los.

Rubrica … hoje é Figos

Decidi criar esta rubrica “Alimentos do Bem”, para vos ir falando de alguns alimentos que consumo.

Das suas características e dos seus benefícios.

Esta rubrica irá ter por base a minha pesquisa e as minhas leituras 🙂

Se quiserem, podem sugerir alimentos para eu abordar nesta rubrica!!

Figos

Hoje falo-vos de um fruto desta época que eu adoro 🙂

E que docinhos que eles são!!!

Curiosidades sobre os figos: 

Consoante a cor da sua pele, existem os brancos (amarelos e verdes) e os coloridos (avermelhados, violáceos e acastanhados);

Sabemos que hoje em dia existem vários países a produzir este fruto e que Portugal é um deles 🙂

Sabiam que o figo representa a fertilidade?!

Características e benefícios: 

Os figos frescos são depurativos, antioxidantes, laxantes e benéficos para o fígado;

São ricos em fibras, ajudando no trânsito intestinal e dando uma sensação de saciedade.

Os figos são muito nutritivos, constituídos por minerais (cálcio, magnésio, ferro e fósforo) e vitaminas.

São baixos em vitamina C, mas têm alto teor de vitaminas de grupo B (B6 e B9);

Sabiam que o figo liberta o sangue das impurezas?!

Sendo recomendado comer figos quando se consome muita carnes ou ovos;

Utilização terapêutica:

Os figos podem ser utilizados para melhorar diversos problemas de saúde, como por exemplo:

Obstipação (as sementes do figo estimulam o intestino)
Hemorróidas
Astenia e depressão (dá energia e reforça o sistema nervoso)
Gripe, dores de garganta e tosse
Fadiga e cansaço

Figos frescos e secos:

Os figos podem ser consumidos frescos ou secos.

São um fruto calórico, devido ao elevado teor de açúcares, quando secos o seu valor energético aumenta.

Após a secagem o figo perde imensa água, mas ocorre uma grande concentração dos seus nutrientes.

Pelo facto de ser rico em fibra ajuda no trânsito intestinal.

Conclusão, nada de abusar dos figos pelo seu elevado teor de açúcar, no entanto, são sem dúvida um excelente fruto para ser consumido pelas suas características nutritivas e pelos seus benefícios.
Problemas no trânsito intestinal? Olhem aqui uma bela solução 🙂

Inspirem-se e apaixonem-se.

PS: os da foto vieram directamente da Quinta da Herdeira … tão bomm 🙂

Saudavelmente

Sónia Gonçalves

Fonte: Jean-Claude Rodet, Guia dos alimentos vegetais, Gradiva

Only registered users can comment.

  1. Eu adoro figos. Principalmente aqueles que vêm diretamente da horta do meu avô. São os verdes e quando ficam maduros parecem que trazem mel lá dentro. Adoro mesmo. Não sabia que eram assim tão bons para tantas coisas na nossa saúde, só sabia que eram óptimos de sabor, eheh. Já os figos secos que se comem no natal não consigo achar piada nenhuma!
    Beijinhos e parabéns pelo blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *